Seja a música viva
Pessoas são como músicas: Algumas, nós gostamos desde o início, outras gostamos depois de um tempo. São feitas para serem ouvidas e compreendidas. Algumas tocam a nossa vida, mas tem uma, aquela mais especial, que é a nossa trilha sonora.
Whats: - Amor, eu estou com sono tem como mandar áudio me dando boa noite agora?
- Ok pequena, claro que sim. (Boa noite meu amor, dorme bem e fica pensando em nós até dormir, não esqueça que eu sempre estou pensando em você e até estou morrendo de saudades, se agasalha e descansa bem, eu te amo demais princesa) - Áudio.
Passou cinco minutos e ele escuta o celular tocando olha para ver quem é e já fica com um sorriso no rosto ao ver que era ela.
- Ué vida, não ia dormir?
- Sim, mas eu ouvi um barulho e estou com muito medo
- Sério isso amor? hahaha sabe bem que não precisa ter medo, Você está no seu quarto, na sua cama boa e tem que descansar.
- Mesmo assim eu estou com medo amor. Dorme comigo?
- Claro pequena, deixa o fone perto para que eu possa ouvir sua respiração, e nunca esqueça que eu estou aqui, pra tudo, tudo.
- Ta bom bebê, boa noite.
- Boa noite, tô cuidando de ti.
- (…) Amor, conta história ou canta até eu dormir?
- Ah não, eu não sei contar história e muito menos cantar
- Sabe sim, por favor amor…
- Vou contar a história da chapeuzinho vermelho então
- Eba, uma das minhas preferidas
- Eu não vou conseguir contar direito, acho melhor cantar mesmo
- Ah amor… Faz o que achar melhor mas vai logo porque quero dormir
- Acha que é assim? Ok gorda. (Ele rapidamente pesquisa no google letras de músicas e começa a cantar, mesmo tímido tentou cantar com um timbre bem suave, todas as músicas eram de amor, talvez uma forma que ele achou de mostrar o quanto a ama. Ele parou na metade da terceira música)
- Amor?…
Nenhuma resposta. Só dava para escutar a sua respiração. Sussurrou algumas vezes que a amava e então colocou o celular no viva-voz e deixou ele do lado do seu travesseiro, fechando os olhos era como se ela estivesse ai, do seu lado. As vezes no meio da noite ela resmungava como se estivesse incomodada com algo, então ele chegava bem perto do celular e falava baixinho: Eu estou aqui amor.
Ela parava e pela sua respiração tinha como perceber que estava dormindo tranquilamente.

Eu estou aqui amor.  (via percebeu)

Posted on Dec 20th (5:58pm), 3 months ago
cabelodedylan:

 
/ before